Por que as empresas precisam de um mentor?

Por Helio Azevedo e Marcello Miranda Machado Filho

O que é Síndrome do Topo da Pirâmide?

Ao pesquisar em qualquer buscador de internet sobre empreendedorismo e os seus desafios, uma das principais respostas que você vai obter é a chamada “solidão do empreendedor” ou “síndrome do topo da pirâmide”. E por isso a importância do mentor. Esse conceito nada mais é do uma dura realidade enfrentada por boa parte dos empresários, que não contam com uma grande equipe para trocar experiências e que muitas vezes estão sozinhos no topo da pirâmide de decisão.

Entre as soluções disponíveis, uma das mais eficientes e também mais recomendada ultimamente é o processo de mentoria para empresários de pequenas e médias empresas.

Isso porque um mentor pode te ajudar de várias maneiras ao longo da sua carreira, ele pode te apoiar para que você ganhe mais confiança, desenvolva novas habilidades e até seja capaz de criar um planejamento estratégico e tático para promover o seu negócio.

Em uma pesquisa realizada pelo Centre for Workplace Leadership (Centro de Liderança no Local de Trabalho), descobriu-se que 71% das empresas da Fortune 500, aquelas grandes empresas do mercado mundial, têm um programa de mentoring já estabelecido.

Esse número expressivo revela que a maioria dos líderes dessas organizações já entendeu que desenvolver um programa focado em mentoria é um investimento em desempenho, produtividade e inovação, com resultados tangíveis para o profissional e para a empresa.

É possível mentoria das grandes nas pequenas e médias?

Como elas podem desenvolver ou ser parte de um programa de mentoria? Nós acreditamos que empresas como a sua também precisam de mentoria para alcançar os resultados desejados. Mas, antes de você já começar nesse processo, vamos entender o que é a mentoria e como ela pode te ajudar.

O primeiro passo é entender quem é essa personagem no mundo dos negócios, ou seja, quem são os mentores. E isso é bem fácil, pois o mentor é um profissional que obteve êxito ao longo de sua carreira, que é reconhecido como uma referência no seu ramo de atuação e que coloca toda essa experiência e conhecimento a serviço dos empreendedores e da alta liderança da empresa.

Mas, nem sempre o processo de procura de um mentor é fácil, ele pode ser bem extenuante e muitas vezes você pode receber uma resposta negativa, isso quando você consegue o contato com aquele grande presidente ou diretor de empresa. Por isso, contar com uma base já consolidada de mentores, disponíveis para ouvir e te ajudar a solucionar os problemas para alcançar um crescimento sustentável, ajuda muito no processo de empreender e crescer.

Entretanto, algumas características têm que ser levadas em conta quando você procura um mentor para você e para o seu negócio.

Mentoria ou membro do conselho?

Essa pergunta é muito frequente e a diferença é importante. O mentor, além de aconselhar, é responsável por trazer ferramentas e metodologias que vão ajudar a empresa mentorada a atingir seus objetivos com mais eficiência.

Mas, vamos às características do mentor.

A primeira delas é a compatibilidade, isso é muito importante porque vocês trabalharão constantemente juntos, nas reuniões de mentoria você confidenciará inseguranças, problemas e estará vulnerável, então é essencial sentir que existe compatibilidade nessa relação profissional.

A segunda característica são as diferenças. Buscar alguém que pensa diferente de você nem sempre é ruim, especialmente porque isso pode te tirar da zona de conforto e fazer com que você veja as coisas sob diferente perspectiva. Mas, não confunda esse contraste com confronto, lembre-se que esse mentor tem muita experiência e quer que o seu negócio se desenvolva tanto quanto você também o quer.

Aqui é importante uma frase que apazigua os ânimos na divergência de opiniões:

  • Se dois executivos concordam em tudo numa empresa, um deles é perfeitamente dispensável.

Por último, um atributo importante nessa relação é a confiança na capacidade do seu mentor, você como empresário deve confiar no conhecimento e experiência desse profissional. Claro que a construção de confiança é um processo, mas é necessário que você esteja aberto e confie nele, nas observações e considerações, assim como na visão que ele terá sobre os problemas e oportunidades identificados ao longo do processo de mentoria.

Fique tranquilo, você não é o primeiro, nem será o último empresário a precisar de mentoria. Na verdade, é admirável que você esteja aqui, buscando mais informações, acredite, esse processo pode ser vital para o futuro e para o crescimento sustentável do seu negócio.

Em um estudo da Harvard Business Review, 84% do presidentes de empresas afirmaram que seu mentor os ajudou a evitar grandes erros na tomada de decisão em seus negócios. Além disso, 69% deles disseram que tomaram melhores decisões com o apoio de um mentor. E para 84% foi notável a melhoria acelerada de desempenho em suas funções estratégicas resultantes do processo de mentoria.

Esses resultados positivos obtidos nessa pesquisa, são a clara evidência de que a transferência de conhecimento desse mentores para os empresários e empreendedores determinaram o futuro da empresa, sendo um componente essencial para o sucesso.

Enquanto o empreendedor está envolvido em inúmeras tarefas do seu dia a dia, o mentor tem a habilidade de “ver de fora” e, com sua experiência, mapear as ações que merecem mais atenção, definindo prioridades e indicando caminhos que o dono do negócio ou líder não tinha conseguido perceber até aquele momento.

É mais fácil mudar quando as coisas estão indo bem!

Vale a pena lembrar que nem sempre você buscará um mentor porque as coisas não vão bem.

Você como empreendedor tem que lidar com muitas áreas nas quais possivelmente não tem toda a experiência que precisa. São necessárias habilidades de gestão financeira, planejamento, comunicação, relacionamento, etc. Por isso, contar com a mentoria de alguém com outro tipo de experiência pode ser fundamental para focar no que é realmente relevante.

De modo geral, essa é uma ferramenta excepcional para o seu desenvolvimento profissional e para o crescimento do negócio. Esperamos que esse conteúdo tenha esclarecido algumas das suas dúvidas e que, por meio da mentoria BBX, você consiga crescer de forma exponencial.

E não se esqueça de que reformar a casa quando há um vazamento ou erosão é extremamente necessário, mas reformar para melhorar o que já está bom pode mudar sua vida!

Fontes:

https://www.forbes.com/sites/ashiraprossack1/2018/04/27/4-things-to-look-for-in-a-mentor/#63608f112d47

https://www.forbes.com/sites/ashiraprossack1/2018/04/26/5-ways-to-get-the-most-out-of-your-mentor-relationship/#a40b50a7cf61

https://www.michaelpage.pt/advice/lideran%C3%A7a-e-gest%C3%A3o-de-equipas/desenvolvimento-profissional-e-reten%C3%A7%C3%A3o/vantagens-da-mentoria

https://www.microsoft.com/pt-br/microsoft-35/business-insights-ideas/resources/how-to-start-a-mentoring-program

http://levelexecutivecoaching.nl/wp-content/uploads/2018/04/HBR-Managing-Yourself-CEOs-Need-Mentors-too.pdf

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×

Olá!

Conta pra gente como podemos te ajudar;)

×